Consultas: 71 3036-4040 | 71 3036-4141

Hipertrofia das Adenóides

A adenóide faz parte, junto com as amígdalas, do anel linfático de Waldeyer, órgão do sistema imunológico com função protetora das vias aéreas respiratórias. É um tecido pregueado, localizado na transição do nariz para garganta e presente em quase todas crianças. Fisiologicamente elas involuem durante e após a puberdade. Raramente pode ser encontrado também em adultos. O problema é que em uma parcela de crianças a adenóide sofre crescimento exagerado que cogita-se ser por reação alérgica ou a microorganismos como vírus e bactérias. Essa hipertrofia pode levar aos seguintes sintomas:

- Respiração bucal
- Roncos
- Babação
- Estase de secreção catarral
- Rinossinusites de repetição
- Otite serosa crônica ou Otites médias agudas
- Tosse espasmódica
- Alteração da arcada dentária e estrutura facial
- Perda auditiva
- Atraso no aprendizado

Diagnóstico
-RX de Cavum
-Nasofibroscopia


https://sites.google.com/site/pstdorea/_/rsrc/1301165911955/hipertrofia-de-adenoide/Sem%20T%C3%ADtulo.jpg

TRATAMENTO

Depende das repercussões que a hipertrofia está causando. Se a criança tem poucas sintomas pode ser realizado um tratamento clínico. Caso sejam muitas queixas, o tratamento cirúrgico deve ser indicado para melhora da qualidade de vida da criança e  para prevenção de irreversíveis alterações auditivas, na arcada dentária, facial entre outras.